5 curiosidades que você precisa saber sobre o implante capilar BH

Antes de fazer qualquer cirurgia, é importante entender como ela acontece de fato. Afinal, esse tipo de procedimento por mais simples que seja sempre acaba gerando algum receio. Além disso, sempre existem “mitos” na internet que, pela repetição, acabam se parecendo reais. Portanto, conhecer alguns fatos verdadeiros sobre o Implante Capilar BH pode ajudar a desmistificar e entender melhor a cirurgia.

Se você está planejando fazer um transplante capilar, mas tem medo dos resultados e não sabe muito bem como a técnica funciona, não se preocupe pois neste artigo iremos trazer em detalhes 5 curiosidades sobre o Implante Capilar BH. 

Confira!

5 curiosidades que você precisa saber sobre transplantes capilares

Hora de desmistificar algumas das “verdades” sobre a cirurgia de transplante capilar. 

Veja algumas curiosidades:

1 – Técnicas para o implante capilar BH

A primeira curiosidade sobre o transplante capilar é que não existe apenas uma técnica para realizar o procedimento, mas sim duas formas principais de operação. Veja abaixo:

FUT

O transplante de unidade folicular (FUT) é uma técnica na qual o cirurgião remove uma tira de pele do couro cabeludo e depois separa os folículos capilares um a um onde os melhores serão transplantados. Essa técnica é mais indicada para quem tem áreas calvas um pouco maiores.

A maior vantagem dessa técnica é que o cirurgião não precisa raspar o cabelo para realizar o procedimento, deixando apenas uma cicatriz linear que ficará coberta conforme o crescimento dos fios. Logo podemos concluir que esta técnica é a mais adequada para o implante capilar em mulheres.

FUE

Usando a técnica de extração de unidade folicular (FUE), o cirurgião remove os folículos capilares do couro cabeludo um a um. E para não deixar uma área menos densa que a outra, ele remove uma unidade capilar a cada cinco.

Esta técnica geralmente é mais indicada para pessoas com alopecia em estágio menos avançado. Além disso, exige a raspagem do cabelo para que o cirurgião possa ver melhor os folículos capilares que pretende retirar. Por fim, as micro cicatrizes puntiformes não ficam visíveis pois elas serão facilmente cobertas pelos fios que crescerem.

Dependendo do estágio da calvície, ainda é possível trabalhar com a técnica híbrida, onde o cirurgião irá conciliar a técnica FUT e a FUE.

2 – Pode ser necessário mais de uma sessão do transplante capilar BH

É possível transplantar milhares de folículos em apenas uma sessão. No entanto, em alguns casos, o paciente precisará de duas ou três sessões para obter o resultado desejado e ter uma boa cobertura da área calva.

3 – Os primeiros fios transplantados caem

Por volta de 30 dias após o procedimento de implante capilar BH, os fios transplantados começam a cair. Isso pode causar um grande susto em quem fez a cirurgia. No entanto, é um processo normal onde os fios transplantados caem para ‘abrir caminho’ e dar espaço aos fios novos. 

O resultado final da cirurgia aparece em um ano.

4 – Os fios transplantados são do paciente para ele mesmo

Outro fator interessante do implante capilar BH é que a cirurgia não causa rejeição, uma vez que todos os fios transplantados são do próprio paciente. 

Na verdade, o que acontece é uma redistribuição dos folículos capilares saudáveis onde eles são transplantados da área saudável para a área calva. Portanto, é preciso que a alopecia androgenética (popularmente conhecida como calvície) esteja estável para realizar o procedimento do transplante capilar.

5 – Alguns folículos transplantados podem não ser do couro cabeludo

Na maioria dos transplantes, os fios utilizados geralmente são aqueles já presentes no couro cabeludo. 

No entanto, há uma técnica chamada body hair transplant (BHT), onde o cirurgião transplanta folículos de outras partes do corpo quando o couro cabeludo não é capaz de suprir a a área calva. 

Lembre-se de que essa técnica é para casos isolados, já que cada fio possui uma característica diferente. Para um resultado mais natural, o ideal é que todos os folículos sejam retirados do couro cabeludo.

Gostou de conhecer essas curiosidades sobre o procedimento de implante capilar BH? Temos mais conteúdo como este em nosso blog. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.